UNIÃO DO VEGETAL

Página Incial

G.A.E.A. 
Quem somos?
Localização da Sede GAEA

Venha ser membro da
associação
______________________

TRABALHOS DO GRUPO:
- Sessões com Ayahuasca
- Círculos de Estudos
- Ações sociais

BASE DE ENSINOS:
GNOSE
XAMANISMO
BUDISMO
SANTO DAIME
UNIÃO DO VEGETAL

PRÁTICAS BÁSICAS

Sagrado Masculino
       e  Feminino

______________________

Legislação
Drogas e falsas escolas

Recuperação de alcólatras
de dependente químicos

______________________
NÚCLEOS DO GAEA e GRUPOS AMIGOS


Telefones e Contatos
______________________
Facebook:
Gaea
Agenda

 

 

                           A UNIÃO DO VEGETAL, chamada também de UDV, foi recriada pelo Mestre José GABRIEL da Costa, na década de 40, em que ele mesmo, como "soldado da borracha" foi até a floresta amazônica e recriou o segmento.

                           O nome CÉU DOS DIAMANTES DE SALOMÃO em que o GAEA usa internamente em seu núcleo central localizado na cidade de Putinga-RS, é originado de uma história da UDV, que conta sobre os diamantes desprendidos do manto de Salomão recolhidos por um mendigo e devolvidos a ele. Esta história e contada em ocasiões especiais dentro da força da Ayahuasca no GAEA.

                          Na UDV tem como invocação de forças superiores o uso da "chamadas", algumas também usadas no GAEA, em que são versos cantados durante a força da Ayahuasca para chamar a Força Superior ou algum processo de encantamento mágico durante as sessões.Todas as chamadas foram "ouvidas" na força da Ayahuasca, por mestres e passadas como ensinos.

                          Alguns termos e nomes usados originalmente na UDV, em que esclarecemos para que o novato não fique "perdido" nas nomenclaturas e termos usados num dialogo ou ensino interno no GAEA. Algumas destas nomenclaturas usamos tambem para preservar sua originalidade:
BURRACHEIRA:
significa na língua nativa Inca "força estranha", e é a sensação do efeito da Ayahuasca quando se diz "estar na força";
MARIRI:
é o nome dado ao Jagube (Banisteriopis Caapi);
CHACRONA:
 é o nome dado as plantas Rainhas (Psychotria Viridis);

Bem como em nossas sessões do tipo UDV procuramos manter a originalidade dos símbolos usados em sessões como o arco, a mesa, os uniformes, historias, etc.. Mas sem prejudicar a institucionalidade da União do Vegetal como entidade em si, pois só nos interessamos pelos ensinos e doutrina, uma vez que isso é amparado pela lei brasileira da livre crença.

                         

   

 

   Rei Salomão e Caiano

Mestre Gabriel fazendo vegetal